Marca Zênite

SPE compara situação macroeconômica do país com ou sem aprovação da Nova Previdência

Publicado em: 13/05/2019.

A Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia publicou na última semana um material comparando a situação macroeconômica atual do Brasil com um cenário em que a Nova Previdência seja aprovada pelo Congresso Nacional em 2019, considerando uma potência fiscal de R$ 1,1 trilhão.

Os dados indicam que as principais dificuldades encontradas hoje – de crescimento da dívida pública, investimento baixo, desemprego elevado e serviços públicos ineficientes – começariam a ser contornadas após a aprovação.

De acordo com os dados, com a Nova Previdência o endividamento público passa a cair já em 2019 assim como a taxa básica de juros. Ainda com a aprovação da proposta enviada pelo governo, o Produto Interno Bruto (PIB) ganharia um crescimento adicional de 0,4% logo no primeiro ano e cerca de 8 milhões de empregos devem ser criados até 2023.

Confira o material publicado pela SPE: Nova Previdência é justa e favorece os mais pobres (09/05/2019).